19 de maio de 2010

Solidão (em jeito de poema)



Solidão (em jeito de poema)


Tropecei nela
Senti torcer-se-me o coração,
Mas, a dor..., essa dor, era tão forte
Dor de Alma, dor de Coração, dor de Amor
Dor de Ausência, dor de Paixão, de Desamor
Dor, dor, dor!
Duas lágrimas, teimosas, rolaram
Caíram no chão
Essa dor, eras tu

Solidão!


(Eusinha)

0 comentários:

Enviar um comentário